Restrospectiva 1 ano da Anna – parte 01

Bom…essa semana começamos a fazer uma pequena retrospectiva do primeiro ano de vida da minha Anna Laura.
Faltam 5 dias apenas, e a mamãe aqui está numa ansiedade maluca! Acho q até mais ansiosa do q no próprio nascimento da pequena!

Bom…vamos começar essa história láááá em 2005???

O mês era Fevereiro.
Eu tinha o falecido Orkut e marido (q era apenas um conhecido) tb.
Ele me add. Eu aceitei. Começava a história.
Meses de papo furado, um encontro. Um beijo. O começo de tudo, até da vida da Anna.

O mês era Abril, ainda de 2005!
Veio a decisão de ficarmos juntos. Nos assumir. Namorar.
Pronto: ali começava verdadeiramente a história da vida da nossa filha!

Primeira foto q tiramos juntos. No dia 1º de abril de 2005!

O mês era Dezembro. 2005
Natal.
O presente: uma aliança de noivado. Ficamos noivos. Decidimos nos casar!

2006 passou. 2007 chegou. Marcamos a data do casamento pra o ano seguinte!

2008. O ano do nosso casamento!
O mês era Abril. O dia 26. A hora 20:30hs.
Depois de um ano inteiro preparando tudo com todo o carinho da face da terra, o grande dia chegou.
Ali começava a nossa família. Uma família ainda de duas pessoas, mas ali começava o sonho de nos tornarmos 3, 4, 5…

Os meses passavam e a fatídica pergunta começava a surgir: “e aí, qdo vem o bebê?” 
Ô povo apressado!
Queríamos mesmo era nos curtir, ficar juntos, nos conhecer como homem e mulher, antes de preparar a chegado do primeiro herdeiro!

Nosso primeiro ano de casados foi marcado por amor, cumplicidade mas muita insegurança,medo, brigas. Sim, não somos e nem nunca fomos perfeitos!
Nossa vida é comum, igual a vida de qlq outro casal!

Falávamos em filhos.
Marido brincava q queria ter o primeiro na Copa de 2014. Eu ria, mas no fundo sabia q eu queria BEM antes disso. Afinal, nós mulheres, meio q corremos contra o tempo! Há um tempo hábil pra se ter um filho!
Inúmeras conversas de madrugada tentando adivinhar se seriámos capazes de ter e criar um filho. Eu morria de medo. Ele tb! Sempre deixávamos no gelo a hipótese!
Mês q vem eu paro com o AC“.
Vivia falando isso, mas nunca tinha tido, de fato, coragem pra fazê-lo!
Sabia q engravidar era um processo demorado, mas o AC me dava segurança!

Aí, chegou junho de 2009…..

…continua!

 
 

10 Comentários

Deixe uma resposta