Os melhores sentimentos do mundo!

A melhor musica q eu ouvi na gravidez toda, era o som do coração da Anna Laura.
A cada US, cada vez q o médico colocava aquele aparelhinho mágico na barriga (né Carol?…rs) , era como se as vozes ao meu redor, o barulho, uma eventual música q estivesse tocando, ficassem mudos. Era o coração dela q batia e q me paralisava! Incrivel. Escutar o coração do filho, ainda na barriga, é uma das sensações mais maravilhosas q existem e pra mim, enquanto grávida, era  a maior emoção q eu já havia sentido na vida.
Até ela nascer e eu descobrir o cheiro dela!
O cheiro da minha filha superou a emoção de escutar aquele barulhinho estranho do coração batendo. 
Ah o cheiro! Não existe perfume mais gostoso nesse universo do q o cheiro da Lau. Pode ser azedo, pode ser até cheirinho de coco. É maravilhoso sentir o cheiro dela.
Qdo ela acorda, a primeira coisa q eu faço é sentir o cheirinho dela. Coloco meu nariz bem na boca dela, como se quisesse sentir o bafinho matinal dela. E é um cheiro delicioooooso!!!!!! Acreditem!
Um filho faz brotar na gente os melhores sentimentos do mundo!
A gente se derrete inteira qdo ele abre aquele sorrisão, mesmo q a gente saiba q aquele sorriso banguela não é propriamente pra gente.
A gente adora ouvir um pum qdo a cólica está pegando. O pum se torna um prêmio, motivo de comemoração.
A gente acha lindo um bocejar.
Ama qdo o filho faz barulhinhos ao mamar. Anna geme qdo está mamando, é uma delicia. Só prova q ela está amando o ato de mamar.
A gente acha graça qdo o filho faz xixi pelado, ao trocar a fralda. Todo mundo cai na gargalhada, mesmo q molhe a roupa toda, o trocador, o chão…
Só um filho faz isso na nossa vida.
Até aquele chorinho chato no meio da madrugada q interrompe qlq sonho gostoso, é prazeroso pra quem é mãe.
Qlq coisa nova q a Lau faz, é uma vitória pra mim e eu babo mesmo e me sinto a melhor mãe do mundo, mesmo q ela tenha aberto a mão apenas, sei lá. Por muito pouco, eu me derreto.


Ah os filhos.
Fazem até as mães mais insensíveis sorrirem apenas com um unhé do filho.
Eita sentimentos malucos esses.
Malucos, insanos, mas os mais gostosos do mundo!


De certo q felicidade ñ existe, como dizem por aí.
Mas tenha um filho e depois pare e pense. Será mesmo q não existe?
Se isso não for felicidade, passa bem perto de ser! :) 

 

21 Comentários

  1. Amanda says:

    Aiiiii, Than, que post lindo!
    Siemocionei todinha…Coisas de gravidinha, né? E pelo que vejo só ficarei mais emotiva qndo minha bebê nascer… Parabéns, viu? Anna tá uma fofa, lindona mesmo e cheia de pose pra fotos!

    Bjinhossss emocionados

  2. Maitê says:

    Thaninha !!!!!!!!!!

    Eu sempre estou passando por aqui para acompanhar este seu momento mais que especial. Mas como não passei por isto, fico meio sem saber o que escrever.
    Mais saiba que mesmo sem comentar muito, eu passo por aqui todos os dias !!!!!!

    Em relação as fotos que coloquei lá no blog … sim … são pensamentos futuros porém mais próximos … Antes de começar a tentar engravidar, preciso concluir dois “projetos” … vulgo viagem (hehehehehehehe).

    Beijinhos enormes !!!!!!!!!!!

  3. Val says:

    Ai que linda que a Anna está! Ela pegando o cachorro, que coisa mais fofa… Quero tanto sentir isso quando tiver meu pacotinho, hehehe… Eu sou muito ligada a cheiros, tipo sentir um perfume e me lembrar de uma fase da vida ou de uma pessoa… Imagino como vai ser quando sentir o cheiro de um filho meu!

    Beijos!

  4. • déia musso • says:

    Amiga,

    Dizem que depois que nascem os filhos são o coração da gente batendo fora do nosso corpo. Eu acho lindo e me parece muito verdadeiro tbm.

    Than, eu já li o teu comentário lá no post que fiz pro Lilo, obrigada minha querida amiga!

    Olha, confesso que eu nem to cabendo em mim de tanta alegria por saber que meu neném tá aqui comigo, imagina sentir tudo isso que vc descreve, fala…é como um filme que todo mundo diz que é ótimo e vc tem certeza que realmente é, mas ainda não assistiu….entende?

    Quero sentir o bafinho, o pum de alívio, as risadinhas do meu meu neném pra voltar aqui e dizer: é miga, é tudo como vc descreveu e mais!

    E se isso não for felicidade amiga, eu não sei o que é então!

    Nossa princesa cada dia mais igual uma bonequinha que saiu da caixa né?
    Anna Laura, você mora no coração da titia viu?
    Linda!

    Bezinhos nossos florzinhas!

    Deínha e Lilo ♥

  5. Naná Jacob says:

    amiga, eu fico aqui toda besta lendo seus relatos e me apaixonando ainda mais pela filhota que cresce na minha barriga…

    imagino tudo isso, o cheirinho, o jeito, o rostinho, é tudo tão maravilhoso né?!

    Eu fiquei mega apaixonada pela minha irmã quando ela nasceu e eu tinha 13 anos, agora me vejo vivendo tudo de novo mas com um amor ainda maior…

    Todo mundo disse, mas não tem como não dizer que a Anna tá linda, fofa, uma totosa da titia…

    Tô achando ela a sua cara….hehehe

    beijoooos pra vcs

  6. Cláudia Leite says:

    Than,

    Sinto vc tão emocionada falando da Anna! E se comparar com os posts antes do nascimento te vejo bem mais sentimental… não sei se vc se segurava pra se expresar ou se apenas após o nascimento desabrochou isso em vc.

    Obrigada pelo carinho de sempre, sei que vida de mãe é corrida pra visitar bloguinhos.

    bjo.

  7. Janaina Sutti says:

    Oi Than, estou vendo sua filha hj pela 1ª vez e estou encantada, ela é linda, parabéns vc merece tudo isso. Me desculpe o sumisso meu tempo ta corrido no serviço. Seu post esta perfeito, é realmente isso que eu sentia tb. Bom, novamente parabéns por esta linda benção que deus te deu. Bjossss pra vcs.

  8. Faça ou Desfaça says:

    Voltando hj do Rio, lendo seu blog, todos os ites que ainda não havia lido, concordo com vc sempre rsrsr

    Os melhores sentimentos do mundo permanecem até hj, quando lembro coisas de Tati, da Luiza e da Bruna..recordamos muitos esses dias lá com elas…são diferentes e ao mesmo tempo tão iguais rsrsr

    Das coisas úteis e inúteis, até hj funcionam e não rsrsr parece tudo igual em tempos tão diferentes…

    Pagar a língua então, vixi rsrsr parece q é pra gente parar e pensar milhões de vezes..vc vai perceber quantas coisas q se fala e que se faz q a gente acaba pagando a língua e mico tb rsrsr

    Do ciumes, vixi..até escrevi no pp item…cada vez aparece cada abacaxi na vida da gente pra por em terra qq coisa q a gente nunca pensava em fazer e passar e, faz e passa…aí que digo é a guerra dos sentimentos misturados com a preservação do amor, etc etc… dos micos e, armadas com unhas e dentes, tornamos poderosas mesmo q indefesas, mas quando ainda vale a pena qq coisa, é por aí que a coisa vai…rsrrs complicado mas saberás um dia rsrsr

    Tudo que vc relata, passamos tb e a cada palavra, parece que voltam as coisas do passado rsrsr muito legal isso…a vida é o ciclo parecido entre as pessoas, em tempos passados e modernos rsrsr
    Mas, o mais interessante é q Anna Laura é o show de tudo isso, a lindeza dessa princesa, o chorinho de manha q ela faz é lindo..parece a dona Luluka rsrsr ganha todas com isso rsrs…e Bruninha a mocinha q contorna tudo com a maestria elegante e amorosa rsrsr (vó babona é assim mesmo..percebe tudo das artimanhas das lindinhas rsrsr)
    Beijocas carinhosas e desculpas pelo romande escrito srsr

  9. Muriel Coelho says:

    Que lindo!!!
    Vc disse tudo neste post. Amei, principalmente a parte do pum…rsrss…Como é bom ver aquela carinha de alivio. O cheiro, nada mais instintivo né? Cheiro muito bom dos nossos filhos.
    bj

Deixe uma resposta