Os infindáveis palpites!

Post inspirado no post da Dina, mamãe do Felipe.

Qual namorada nunca ouviu “vai casar qdo?”…
Qual recem casada nunca ouviu “e o bebe, vem qdo?”…
Qual gravida nunca ouviu q “a barriga  é grande demais pra 5 meses, tem certeza q é 1 só?”…
Qual santa mãe nesse mundão de meu Deus nunca respondeu a fatídica pergunta pós parto: “e o leite, ta alimentando o bebe?”, ou então aquilo q toda recem mamãe odeia ouvir: “seu leite deve ser fraco, o choro é fome!!” (aaaaaaaaargh!)


Palpites no mundo, tem aos montes.
Todo mundo tem um remédio infalível pro bebe mamar melhor, ou dormir a noite toda. Poucas são as pessoas q relevam q cada ser humano tem um ritmo…
Já ouvi tanta coisa! Desde a gravidez. Umas coisas absorvo, outras ignoro.
Já ouvi tanto conselho….e sempre caio no médico pra me responder. Geralmente é ele quem sabe mais do q uma pesquisa no Google.
Procuro ñ dar palpite na gravidez ou criação do filho de ninguém. Cada um sabe onde aperta o calo!
Mas tb já fiz tanta coisa.
Já fiz por onde, varias vezes, escutar inumeros palpites.
Lista de “coisa errada” não me falta!


Já dei açucar pra Anna Laura.Ela já tomou chá com açucar pra ñ recusar. Ela já vazou o xixi pq eu esqueci de trocar pq fiquei na net. Ela já dormiu sentada, pq eu fiquei com preguiça de colocá-la no berço. Ela já experimentou (e amou! #draga) pão de queijo, Danette, Iogurte de morango, chocolate quente. Já saí de carro com ela só pra ela dormir. Já teve (e ainda está!) sapinho na boca pq a chupeta caiu no chão e eu só dei uma limpadinha na minha camiseta tb suja. Ela já colocou papel sujo na boca. Já experimentou pirulito de morango, daqueles q é feito com açucar puro. Já chorou sozinha no berço. Já me fez perder a paciência com ela a ponto de gritar. Já se arrastou no chão gelado….já já já.
Isso ñ é sinal de pouco amor.
Isso significa q eu crio ela do jeito q eu acho q devo. Se ta certo ou errado, as consequencias só eu vou saber! Ng mais.


Se vou dar refrigerante a ela? Sim.
Qdo? Não sei.
Mas ñ vou ficar naquela neura de estipular datas. “Só qdo ela tiver 10 anos”. Ñ posso fazer isso. Ñ tenho tanto domínio próprio pra saber.
Hj eu ñ dou. Mas hj malemá ela bebe água!
Se vou dar MC Donalds? Sim. Eu como lá ,oras! Mas tb sem data marcada!
Se ela vai chupar chupeta por muito tempo? Não sei. Ela vai chupar até eu achar q ela deve ou até ela ainda querer. Se ela tiver 5 anos e tiver chupando chupeta, eu dou um jeito. Não vou traçar, hoje, metas pra minha filha.


Muita gente confunde as coisas.
Palpite é uma coisa, conselho, outra!
Por incrivel q pareça, os dois são diferentes!
Ñ no modo de falar e sim, no de ouvir!


Conselho eu aturo, palpite ñ!
Já ouvi tanta, mas tanta coisa, q se eu fosse ligar ou seguir todas, tava na merda!
Eu sigo meu instinto, meu coração de mãe!
Ñ faria NADA pra prejudicar o crescimento dela, faço apenas pra ela sorrir, se divertir. Qual criança ñ sorri com um pirulito lambuzado na boca?
Vai dar cárie? vai. 
Faz mal? Claro, e eu tenho total consciencia disso, por isso ela EXPERIMENTA APENAS.
Qdo for a hr dela chupar um inteiro, ela vai fazer isso!

O q eu quero dizer é q palpite geralmente é dado por aquele ser q julga saber de tudo, principalmente como é q se cria um filho! (as vezes esse ser nem mãe é!).
Conselho é dado por pessoas q querem o seu bem e falam pra tentar amenizar alguma coisa! O conselho sempre vem qdo a gente pede, o palpite não!



13 Comentários

  1. Adriana Bandeira says:

    Adoreiiiiiiiiiiiiii! Sou igualzinha a você e nem por isso o Miguel é um menino doente. Já dei a ele bolo, bolacha wafer, pão de queijo, milk shake do Bob’s, sorvete derretido, melei a boca dele de pudim de chocolate, já atrasei o banho dele por causa disso aqui também. Já dei suco na mamadeira sem ferver, apenas lavada com água e sabão. Já esqueci de dar remédio e não é todo dia que ele vai ao sol, mesmo porque ele odeia. Não fiquei me lavando inteira e passando álcool nas mãos a cada vez de pegá-lo no colo. Resumindo, não sou neurótica!
    E Miguel é saudável e forte feito um tourinho, alegre. Assim como a Anna Laura é, porque nós somos autênticas e não ficamos vetando a vida deles! Tá apoiada!
    Bjs!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. says:

    Ai amiga,
    Nem fala porque é muita gente falando na nossa cabeça…afff!
    Sabe o que eu faço? o que meu coração manda… claro que sigo o pediatra e o bom senso… mas tb confio na minha intuição materna…rs
    Mil beijos!

  3. Amanda says:

    Isso ai!!!!!!
    Olha, palpiteiros não faltam! Acredita que até o feirante queria palpitar na alimentação da Maria????
    Sim, pq vi uma barraquinha que vende legumes descascados em pequenas porções e falei que daqui uns 15 dias vou dar leguminhos a ela ai ai cara falou: Nossa, mãezinha, e´mto cedo, faz isso com ela não, vc tem que esperar mais!
    Caraca, pirei, se não fosse minha mãe eu tinha respondido torto para ele!
    A Maju tbm já provou mto coisa, hj mesmo ganhou um bolo de chocolate da vó! Já tomou café na chupeta (que aqui em casa é sem açucar, hábito nosso)lambeu os dedos do pai sujos de azeitona, provou mandioca e sabe lá deus o que mais! E eu? Acho que ela deve mais é ser feliz!
    Tá ai, acho que vou escrever sobre isso tbm!

    Bjinhosssss

  4. Cin says:

    Escrevi um post recentemente sobre esse assunto, o título era: Se palpite fosse bom a gente vendia…nao precisa falar mais nada ne? Assino embaixo em tudo que disse. Bjao!

  5. Grauce says:

    Pior que tudo o que você disse é verdade.

    Tem gente que me olha torto quando digo que dou banho de chuveiro no Junior (coisa que ele adora).

    Tenho o seguinte pensamento, quanto menos frescura, menos doente e frágil a criança é.

    Repare bem nessas crianças que vivem na rua, descalaças, andando na chuva, pegando sereno. Pouco ficam doentes. Vai agente fazer isso, nossos filhos terão logo uma “ziquizira”.

    Tá apoiada, Than!

  6. Poly says:

    Odeio esses palpiteiros!! Eu recebi no FB um negocio q dizia assim: MEGA PROMOÇÃO – Pague minha contas + resolva meus problemas= Direito de palpitar na minha vida!
    Concordo super com isso..kkk
    Bjs querida e não ligue pros palpiteiros!

  7. Karla says:

    Eu tb odeio palpites e espero que vc não tenha ficado chateada com aqueles meus conselhos acho que não pq eu queria e sempre que puder te ajudar em qualquer coisa. Olha Than vc cria a Anna muito bem tem mãe que meu Deus é cheia de não me toque e a criança vive com problemas mais vc não vc cria ela de um modo ótimo, pegou sapinho sim e dai? Um dia ela iria pegar não é mesmo? Refrigerante pirulitos, chupeta e mamadeira só vc que vai saber a hora certinha dela parar de usar e tal.
    Criança tem que brincar,se divertir, pegar anti corpos enfim ser feliz!

    Adoro vcs!!

    Beijos

  8. Karina says:

    Ihh, por aqui Maricota já experimentou bolo de iogurte, creme da torta de morango, chocolate… E assim, um dia vai sim tomar refri, café, pão com manteiga… Antes eu ficava irritada com pessoas falando oq eu devia ou não fazer, hj eu sou mais criteriosa, se concordo escuto e até respondo, se não deixo falando sozinha mesmo…hahaha

    Bjãoo

  9. Lu do Deninho says:

    Adorei a postagem…..
    Isso começa desde que estamos gravidas né, o que tem de gente dando palpite e querendo nos ensinar tudo !
    Como diz meu GO, não de ouvidos para as comadres, duvida me procura, e é assim que faço !

  10. Merciana Amorim says:

    Isso mesmo Thannn adorei seu post, eu tbm crio a leninha da maneira que acho que convém vivendo um dia de cada vez, todos se horrorizaram pq dei banho de açude nela, ou com 20 dias estava dormindo em sítio fora de casa com mais 12 pessoas, sei que ela estava bem e feliz sendo o contrário, mudaria tudo, mas procuro viver um dia de cada vez e eu tbm já lambuzei ela de pirulito aos 5 meses rsrsrsrs
    xero nas duasss

  11. Cláudia Leite says:

    As crianças devem ter mais liberdade para experimentar, muitas restrições só complicam a nossa e a vida delas.
    Recebi muitos conselhos que me fizeram sentir-me pior, então resolvi descartar e seguir do melhor jeito para nós aqui.

    bjo!

Deixe uma resposta